Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 02 de Abril de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Nacional
Quarta-Feira, 18 de Março de 2020, 16h:45
Tamanho do texto A - A+

Receita simplifica despacho de produtos para combater Covid-19

Segundo o Governo, medida tem como objetivo simplificar, principalmente, a importação de material hospitalar

Flávio Veras
Capital News

Agência Brasil

Porto de Santos

Porto de Santos (SP)

O Governo Federal publicou, na manhã de hoje (18), uma normatização que simplifica e agiliza o despacho aduaneiro de mercadorias importadas destinadas ao combate de ao novo coronavírus (Covid-19). O texto foi divulgado no Diário Oficial da União de hoje (18).

 

Segundoa a Receita Federal, "a medida, que já havia sido anunciada, visa a manter um fluxo rápido de abastecimento de bens, mercadorias e matérias-primas destinadas ao combate da pandemia, como também evitar gargalos nos recintos aduaneiros ao agilizar a entrega das cargas”.

 

Outra alteração promovida pela instrução normativa é a inclusão das importações promovidas por importadores certificados na modalidade Operador Econômico Autorizado (OEA) num rito mais simplificado de importação.

 

“Esta medida visa a mitigar os efeitos de eventual sobrecarga logística, ao possibilitar maior celeridade às operações aduaneiras de operadores confiáveis, notadamente grandes importadores”.

 

A lista dos produtos de uso médico-hospitalar que terão despacho simplificado pode ser conferida na instrução normativa.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix