Campo Grande/MS, Domingo, 23 de Fevereiro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Segunda-Feira, 13 de Janeiro de 2020, 17h:47
Tamanho do texto A - A+

Filho estupra, esfaqueia e incendeia a própria mãe

O crime foi investigado pela Polícia Civil de Dourados

Norton Soares
Capital News

Osvaldo Duarte

O crime foi investigado pela Polícia Civil de Dourados

 O acusado está preso preventivamente desde o dia 28 de dezembro

Inquérito a respeito de mulher, com 42 anos,  que foi encontrada morta no dia 23 de dezembro foi concluído pela Polícia Civil de Dourados. A vítima teria sido morta pelo próprio filho.

 

De acordo com o documento enviado ao MPE-MS (Ministério Público Estadual), o acusado, de 19 anos, teria estuprado, matado e destruído o cadáver de sua própria mãe.

 

Em entrevista ao Dourados News, o delegado Rodolfo Daltro, chefe do SIG (Setor de Investigações Gerais), responsável pela investigação, afirma que o rapaz também é suspeito de ter tentado violentar sexualmente outra pessoa anos antes, no município de Juti.

 

O suspeito teria amarrado a própria mãe em um sofá enquanto ela dormia após ter consumido bebida alcoólica. Violentando sexualmente ela, no meio do crime a vítima acordou e tentou reagir, então o suspeito a matou, com pelo menos 5 facadas, depois ateou fogo no corpo.

 

Ele está em prisão preventiva desde o dia 28 de dezembro, quando foi encontrado escondido em uma propriedade na Aldeia Bororó, na Reserva Indígena.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix