Campo Grande/MS, Domingo, 23 de Fevereiro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Segunda-Feira, 20 de Janeiro de 2020, 11h:07
Tamanho do texto A - A+

Filho grava esposa agredindo a mãe idosa

Caso teria acontecido a 10 dias, porém boletim foi registrado neste domingo

Elaine Silva
Capital News

Reprodução

Filho grava esposa agredindo a mãe idosa

Neta resgistrou o boletim de ocorrência após divulgação do video

Uma idosa de 82 anos foi agredida pela nora de 34 anos. O crime foi filmado teria sido gravado pelo filho da vítima, no caso, marido da acusada. Caso foi registrado junto à polícia neste domingo (19) e deverá ser apurado pela Delegacia de Atendimento à Mulher (DAM) de Nova Andradina.

 

Segundo a neta da vítima que registrou o boletim de ocorrência, o filho da idosa alegou que a vítima agrediu a sua esposa. “Ele estava, na verdade, tentando produzir provas contra a própria mãe, que teria, segundo eles, agredido a nora pouco antes. Por este motivo ele fez a filmagem”, disse a comunicante aos policiais. Ele seria o responsável por administrar o dinheiro de sua aposentadoria.

 

A suposta agressão teria ocorrido há cerca de 10 dias, sendo que, um vídeo que mostra o episódio acabou sendo divulgado neste final de semana nas redes sociais, gerando grande repercussão em toda a região, conforme o site Nova News. Ao receber o vídeo, uma neta da idosa procurou a polícia para que o caso fosse apurado. Ela disse que a avó morava na casa do filho, onde ocorreu o episódio, mas que, após o fato, a vítima teria ido para residência de outro filho, na região de Nova Casa Verde.

 

Como a neta que fez o registro da ocorrência compareceu neste domingo (19) na 1ª Delegacia de Polícia, esta semana o caso deverá ser encaminhado para a DAM, que tomará as devidas providências no sentido de ouvir tanto a vítima quanto a acusada. O caso foi registrado como vias de fato (violência doméstica), sendo que, caberá às autoridades apurar os acontecimentos para que tudo seja devidamente esclarecido.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix