Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 10h:08
Tamanho do texto A - A+

Gerente de fazenda é morto a tiros por capataz

Suspeito fugiu logo após o crime; vítima chegou a ser socorrida

Elaine Silva
Capital News

Google Street View/Reprodução

Assaltante ameaça levar bebê, após mãe negar entregar celular

Depac Piratininga

Cleiton José Cardoso Pereira, 38 anos, morreu após ser baleado em uma fazenda na região da MS-040, em Campo Grande. O suspeito é um capataz da propriedade rural. Caso aconteceu no final da tarde de ontem (12). 

 

Segundo informações do boletim de ocorrência a vítima trabalha há dois meses na fazenda e na tarde de ontem a vítima teve uma discussão com o capataz da propriedade rural e foi baleado. O suspeito do crime, que morava na fazenda com a esposa e a filha, fugiu do local com a família após os disparos.

 

A vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada para a Unidade de Pronto Atendimento, mas não resistiu e morreu. O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário(Depac) da Vila Piratininga.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix