Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Terça-Feira, 12 de Novembro de 2019, 18h:09
Tamanho do texto A - A+

PMA faz primeira prisão durante Operação Piracema

Ação aconteceu na madrugada de terça-feira no Distrito de Piraputanga

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PMA

PMA faz primeira prisão durante Operação Piracema

Autor havia capturado somente 5 kg de pescado

Polícia Militar Ambiental de Aquidauana prendeu e autuou em R$ 1 mil, um pescador conhecido como o vulgo “Japa”, famoso por prática de pesca predatória e primeiro preso durante a operação piracema. Caso aconteceu nesta madrugada (12), na cachoeira do Serrano, Distrito de Piraputanga.

 

Policiais Militares Ambientais de Aquidauana, que trabalham na operação piracema, estão monitorando os cardumes, especialmente, nas cachoeiras e corredeiras onde eles são mais vulneráveis. Conforme  a nota da PMA prendeu o infrator, o qual é reincidente e famoso pela prática de pesca predatória na região, quando iniciava a pescaria ilegal e havia capturado somente 5 kg de pescado das espécies Jurupensem, Jurupoca e Mandi. Com a tarrafa poderia em pouco tempo dizimar cardumes.

 

O infrator recebeu voz de prisão e foi conduzido para a Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, onde foi autuado em flagrante e responderá por crime ambiental de pesca predatória. A pena para este crime é de um a três anos de detenção. Ele também foi autuado e multado administrativamente em R$ 1 mil. O pescado será doado para instituições filantrópicas.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix