Campo Grande/MS, Domingo, 09 de Agosto de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 15h:15
Tamanho do texto A - A+

Suspeitos de abigeato são presos após venda de carne

Animal foi carneado ainda no local do abate

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PMCG

Suspeitos de abigeato são presos após venda de carne

Caso foi elucidado na última segunda-feira

Policiais da Delegacia de Polícia Civil de Paranhos prenderam, na segunda-feira (6), um indígena de 33 anos, por crimes de abigeato. Ele foi detido vendendo carne bovina no interior da Aldeia Pirajúí. Os policiais já haviam recebido a informação que um boi havia sido abatido em uma fazenda da região.

 

Após a localização do autor, os policiais questionaram sobre a procedência da carne, o suspeito confessou ter abatido o animal juntamente com outras duas pessoas.  Ele contou ainda que o animal foi carneado ainda no local do abate, tendo levado apenas o que seria vendido, e que outra pessoa teria ficado com a maior parte da carne, conforme a Polícia Civil.  Na residência do indígena, os policiais localizaram uma espingarda calibre 12. Um cidadão paraguaio, suspeito de ter participado do furto de gado, foi levado para a Delegacia para prestar esclarecimentos.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix