Campo Grande/MS, Domingo, 13 de Junho de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quinta-Feira, 10 de Junho de 2021, 15h:49
Tamanho do texto A - A+

Campanha para vacinação em massa, repercute entre Parlamentares de MS

Com o intuito do estado executar um plano de vacinação em massa e em curto período

Laryssa Maier
Capital News

ALMS

Paulo Corrêa ressaltou compromisso da Casa de Leis em manter o trabalho em benefício da população

Paulo Corrêa

Os parlamentares afirmaram apoiar a campanha e o trabalho do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Mato Grosso do Sul (Cosems), o qual enviou um ofício com a solicitação. Nesta quinta-feira (10), os deputados da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), durante a sessão, comentaram sobre a campanha realizada ontem solicitando 3 milhões de doses da vacina Janssen ao Ministério da Saúde para o estado de Mato Grosso do Sul. 

 

De acordo com a assessoria, a ideia era de que o estado executasse um plano de vacinação em massa e em curto período. “Apresento uma moção de congratulação ao Cosems e ao Secretário de Saúde pela campanha realizada ontem, que teve o nosso apoio, mas infelizmente recebeu a negativa do Ministério da Saúde, com o argumento de que outros estados também têm a capacidade de distribuir a vacina”, comentou Barbosinha (DEM).

 

Como o lote com três milhões de doses do imunizante tem previsão de chegar ao Brasil na próxima semana, quando estará já perto do prazo de validade, que é 27 de junho, a ideia era aproveitar a logística do estado, que é um dos estados mais avançados na vacinação desde o início. Mara Caseiro (PSDB) e Paulo Corrêa (PSDB) também demonstraram apoio à campanha.

 

“Nós estamos confiantes, temos condições de colocar em prática a vacinação em massa, os dados mostram a competência do nosso Estado”, afirmou Paulo Corrêa (PSDB) dizendo, ainda, que haverá empenho para que o estado de Mato Grosso do Sul receba a maior quantidade possível da vacina.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix