Campo Grande/MS, Terça-Feira, 14 de Julho de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Saúde
Segunda-Feira, 09 de Março de 2020, 15h:29
Tamanho do texto A - A+

Saúde de Três Lagoas notifica 1º caso suspeito de Coronavírus na cidade

A paciente é uma mulher de 39 anos, que esteve em viagem à Alemanha

Flávio Veras
Capital News

Divulgação

Saúde de Três Lagoas notifica 1º caso suspeito de Coronavírus na cidade

A paciente está em isolamento na sua própria residência e vem sendo monitorada diariamente pela Vigilância Epidemiológica de Três Lagoas.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas, perante o fato do surgimento de um caso notificado suspeito de Coronavírus (SARS-Cov-2), em Três Lagoas, vem a público para orientar a população a se prevenir e adotar hábitos de higiene e etiqueta social para prevenir a proliferação da doença.

Conforme informou a secretária de Saúde, Angelina Zuque, na manhã desta segunda-feira (09), o primeiro caso suspeito de Coronavírus, notificado na tarde de sábado (07), é de uma mulher de 39 anos, que esteve de viagem à Alemanha, acompanhando o marido e retornou a Três Lagoas com sintomas gripais.

A paciente foi atendida, coletados os materiais devidos para exames laboratoriais e encaminhados ao Laboratório Central de Saúde Pública de Mato Grosso do Sul – LACEN-MS e, posteriormente, se obtidos resultados positivos, serão também enviados ao Instituto Adolfo Lutz, observando os protocolos do Ministério da Saúde.

 

 

Orientrações

A secretária Angelina Zuque, ressaltou a importância das pessoas adotarem hábitos saudáveis de higiene, como lavar as mãos com frequência e usarem álcool gel.

Um outro cuidado diz respeito à etiqueta social que deve ser adotada por todos, ou seja, ao espirrar ou tossir, a pessoa deve estender o braço para não espalhar eventuais vírus às pessoas que estão por perto.

Uma outra orientação é que, ao sentir sintomas de gripe forte, as pessoas devem procurar, de imediato, a Unidade de Saúde (Postinho), mais próximo de suas casas, “já que todos os profissionais da Saúde que trabalham nas Unidades Básicas estão devidamente preparados para o atendimento desses casos”, informou.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix