Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 16 de Setembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 18h:06
Tamanho do texto A - A+

Programa Habita Campo Grande sorteou mais de 500 casas

Também entregou 400 certificados de regularização fundiária

Laryssa Maier
Especial para o Capital News

Denilson Secreta/ PMCG

Programa Habita Campo Grande sorteou mais de 536 casas

Centenas de famílias compareceram na 2ª edição do Feirão Habita Campo Grande

Agência Municipal de Habitação (EMHA) realizou durante três dias, o Feirão Habita Campo Grande, considerado o maior evento do segmento da habitação de interesse social da região, o Feirão também se consolida como o maior de habitação destinado a todas as faixas de renda no Estado de Mato Grosso do Sul, totalizando 536 unidades habitacionais  sorteadas no Feirão. 

 

Denilson Secreta/ PMCG

Programa Habita Campo Grande sorteou mais de 500 casas

Os sorteios públicos são realizados conforme determina a Lei Complementar n. 299.

O prefeito Marquinhos Trad destacou durante o sorteio que muitos de cidadãos de Campo Grande, há muito tempo têm o sonho de conquistar a moradia própria, agora poderão torná-lo realidade durante o 2º Feirão Habita Campo Grande, organizado pela Agência Municipal de Habitação (EMHA).

 

O diretor presidente da EMHA, Enéas Netto, detalhou o processo de sorteio das unidades habitacionais no 2º Feirão Habita Campo Grande. “O prefeito pediu que uma solução inteligente fosse tomada, visando combater o déficit de moradias sociais em Campo Grande. Através de estudos realizados pela nossa equipe, foi descoberto que uma quantidade considerável de pessoas se encaixam em outras vertentes do Programa Minha Casa Minha vida. Em razão disso, começamos a conceder valores de entrada para aquelas pessoas que têm condição de financiar uma casa. Hoje, nós temos 300 cotas disponíveis, cada uma custa seis mil reais”, concluiu.

 

O 2º Feirão Habita Campo Grande também entregou 400 certificados de regularização fundiária.

 

De acordo com o prefeito Marquinhos Trad a viabilização da regularização fundiária, além de valorizar os imóveis, propicia a devida segurança jurídica dessas famílias,

 

“Com os lotes devidamente documentados junto ao cartório com averbação em nome do novo proprietário. Cada beneficiário contará com a sua matrícula individual, inscrição municipal e endereço com numeração predial oficial”, diz Marquinhos.

 

A lista com os nomes dos sorteados devem sair no DIOGRANDE (Diário Oficial de Campo Grande), segundo assessoria, ainda não tem data prevista para publicação.      

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix