Campo Grande/MS, Domingo, 22 de Setembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Saúde
Domingo, 21 de Julho de 2019, 12h:25
Tamanho do texto A - A+

Mandetta libera R$ 166 milhões para a Capital

Dinheiro é para habilitar serviços do SUS e outras ações no Estado

Elaine Silva
Capital News

José Cruz/Agência Brasil

Mandetta anuncia diretoria de integridade e Secretaria de Atenção Primária

Ministro Luiz Henrique Mandetta

Nesta segunda-feira (22) o Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, vai estar em Campo Grande, para anunciar mais de R$ 166 milhões de investimentos na saúde para Campo Grande e outros 56 municípios do Estado. 

Serão habilitados no Estado diversos serviços de atendimento à saúde que vão beneficiar 13 municípios, no valor de R$ 16.642 milhões. Entre as demandas de ações e serviços haverá incremento de leitos de UTI adulto e pediátrico, repasse de recursos para SAMU, CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), incluindo os indígenas, postos de assistência médica, policlínica de atendimento à mulher, entre outros.

Do montante total, R$ 13 milhões serão destinados à ampliação da Unidade de Atenção Especializada em Saúde  do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul. O projeto contempla a ampliação de 30 novos leitos de internação clínica e cirúrgica, 10 leitos de UTI adulta e a ampliação do setor de Reabilitação, em especial para pacientes ortopédicos. Haverá ainda a reforma da Farmácia, Almoxarifado, Central de Medicamentos e Área de Apoio Logístico e Técnico. Anexo ao hospital, um novo bloco será construído para alocar esses setores.

Só de emendas parlamentares serão liberados para Mato Grosso do Sul mais de R$ 48 milhões, sendo R$ 30 milhões de emendas individuais, entre elas três emendas propostas pelo atual secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, enquanto ainda era deputado. Com as emendas de Resende, serão destinados R$ 735.250 mil para compra de equipamentos e custeio de unidades hospitalares de três municípios: Água Clara, Naviraí e Japorã. No total, mais de 50 municípios serão beneficiados com as emendas parlamentares.

Antes de voltar a Brasília, conforme a assessoria, o ministro cumpre outros compromissos na Capital como entrega de caminhões e lançamento da Campanha de Vacinação de Hepatites realizada pela Sesau (Secretaria Municipal de Campo Grande).

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix