Campo Grande/MS, Terça-Feira, 22 de Janeiro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Domingo, 23 de Dezembro de 2018, 11h:58
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Holanda anuncia primeira ciclovia do mundo feita com plástico reciclado

Por Pérola Cattini

Da coluna Bem-Estar
Artigo de responsabilidade do autor

Empresas responsáveis disseram que usaram o equivalente a 500 mil garrafas pet para construir 30 metros de pista

Prefeitura de Zwolle

ColunaBem-Estar

A Holanda anunciou no final de novembro que abriu a primeira ciclovia feita com plástico reciclado do mundo, na cidade de Zwolle. Feita com material de garrafas pet, a chamada PlasticRoad é circular e significa menos emissão de carbono do que as estruturas de pavimento tradicionais, já que tem uma vida útil maior e reduz o movimento de transportes envolvidos em sua construção, de acordo com as empresas responsáveis -- uma holandesa e outra francesa.

A PlasticRoad já está em operação desde setembro, mas só agora foi anunciada pelo governo local. É uma ciclovia de 30 metros contendo plástico reciclado equivalente a mais de 218 mil copos ou 500 mil garrafas do material. Ela ainda possui sensores que monitoram a performance da pista -- incluindo temperatura, o número de passagens de ciclistas e a durabilidade. Com ela, as empresas dizem que se trata também da primeira ciclovia inteligente do planeta.

Uma segunda pista deve ser instalada até o começo do ano que vem, na cidade de Giethoorn, também na Holanda. No país europeu, as bicicletas têm muito espaço em relação aos carros e, em alguns casos, as estradas são acompanhadas pela mesma quilometragem de pistas para os ciclistas. Em algumas regiões, as rodovias servem apenas para logística: transporte de veículos, alimentos e produtos manufaturados.

"Ao redor do mundo, 350 milhões de toneladas de plástico são usadas todos os anos e a maior parte isso acaba descartada ou incinerada, mas a PlasticRoad cria uma segunda vida de alto valor para o plástico ao reciclá-lo e usá-lo para construir ciclovias. O objetivo final é utilizar 100% de material reciclado na produção de pistas desse tipo", afirmaram os desenvolvedores.

Os jornais holandeses ainda chamaram atenção para o fato de que a construção da ciclovia foi mais rápida do que as estruturas de asfalto e teve menos impacto nas redondezas da cidade, além de emitir menos carbono.

A Holanda é pioneira em projetar soluções sustentáveis para locomoções cotidianas (geralmente envolvendo bicicletas): a mais famosa delas é a ciclovia solar chamada SolaRoad, que deve continuar a operar em 2019, segundo a imprensa local. Mais do que isso, o trajeto deve ser aumentado para um território maior. O plano é testar novos módulos que podem converter luz do sol em eletricidade enquanto, ao mesmo tempo, facilitam a locomoção de bikes.

As autoridades da província de North Holland e a Caltrans, empresa responsável pelo projeto, receberam a ordem para desenvolver um segundo projeto em Lebec, na região de Kern County. No entanto, não foram revelados detalhes sobre esse novo serviço. A SolaRoad começou a operar em 2014, na cidade de Krommenie, perto da capital, Amsterdã. Ela substituiu 70 metros de uma ciclovia de asfalto com módulos solares especiais.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix