Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 04 de Março de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Segunda-Feira, 22 de Fevereiro de 2021, 19h:15
Tamanho do texto A - A+

Chuvas destrói doses de vacina contra a covid-19

Água e lama invadiram posto de saúde que guardava os imunizantes

Laryssa Maier
Capital News

Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais

© Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais

 

No último fim de semana, as chuvas mataram ao menos cinco moradores de Santa Maria de Itabira, na região central de Minas Gerais, também estragou doses das vacinas contra covid-19 que a Secretaria Municipal de Saúde recebeu para imunizar grupos prioritários (idosos, profissionais de saúde e idosos que vivem em instituições de longa permanência).

 

Segundo a secretária de saúde do município, Janaína Machado dos Santos, a água e o barro que invadiram a Unidade Básica de Saúde (UBS) Lincoln Martins Moreira penetraram no refrigerador onde os frascos de vacina estavam armazenados.

 

“Perdemos todas as vacinas que ainda tínhamos guardadas”, disse a secretária à Agência Brasil. A quantidade de doses perdidas ainda está sendo contabilizada, mas, para Janaína, qualquer perda, por menor que seja, significa um enorme prejuízo, principalmente diante da escassez do produto. 

 

De acordo com a Agência Brasil, o prejuízo provocado pelas chuvas à secretaria de saúde não se limita às vacinas. “O prédio da secretaria também foi afetado. Perdemos pedidos de exames, prontuários, documentos do conselho de saúde. E ainda estamos checando se houve danos materiais e aos equipamentos. Até porque ainda não tivemos acesso aos postos de atendimento da zona rural.”

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix