Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 05 de Agosto de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sábado, 12 de Junho de 2021, 11h:04
Tamanho do texto A - A+

Entre mortes e retorno: Mato Grosso do Sul tem 29 pacientes com covid-19 encaminhados para outros estados

Última transferência foi de quatro pessoas; Primeira alta entre os pacientes transferidos já foi registrada

Elaine Silva
Capital News

Divulgação FAB

Mato Grosso do Sul já transferiu quatorze pacientes com covid-19 para outros estados

Transferência de pacientes para covid-19

Mato Grosso do Sul soma 29 pacientes encaminhados para serem internados em outros estados. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), na sexta-feira (11) quatro pacientes foram levados para  São Bernardo do Campo (SP).

Foram transferidos dois pacientes de Campo Grande e dois de Dourados, que estão internados em unidades de saúde. As famílias deram autorização para a transferência. O translado até a Base Aérea de Campo Grande foi feito em ambulâncias e os pacientes são encaminhados para outros estados no avião da Força Aérea Brasileira (FAB). A Central Estadual de Regulação está levantando a possibilidade de novas transferências.

Segundo a SES, nove pacientes foram transferidos para o Estado de Rondônia, sendo 7 de Dourados, um de Bonito e outro de Itaquiraí, que estava internado em Eldorado No domingo (6) cinco pacientes (2 de Campo Grande e 3 de Maracaju) foram levados para São Paulo, nesta segunda-feira (7), dois pacientes de São Gabriel do Oeste foram para São Paulo. Nesta terça-feira (8)  três pacientes de Campo Grande e dois pacientes de São Gabriel do Oeste foram para São Paulo, na quarta-feira quatro pacientes de Dourados foram para São Bernardo do Campo e nesta sexta-feira mais quatro pacientes para São Bernardo do Campo, totalizando 29 pacientes de MS enviados para internação em hospitais de Rondônia e São Paulo.

Retorno para a MS
A primeira alta entre os pacientes transferidos para outros Estados, já foi registrada. A paciente de 29 anos estava internada em Porto Velho desde 4 de junho e retorna para a cidade de Dourados nesta sexta-feira em avião comercial, com a passagem custeada pelo Governo do Estado.

Mortes
Quatro pacientes internados em outros Estados vieram a óbito. A paciente de 52 anos do município de Dourados morreu na noite desta segunda-feira (7), em Porto Velho (RO). Ela integrava o quantitativo de nove pacientes que foram encaminhados à capital rondoniense na sexta-feira (4.6). O outro é um homem de 53 anos, do município de Maracaju e que morreu nesta terça-feira (8) no Estado de São Paulo. Ele estava internado no Hospital Geral Vila Penteado e integrava o grupo de cinco pacientes que foram transferidos para a capital paulista no último domingo (6). O terceiro é um homem de 66 anos integrava o grupo de cinco pacientes que foram transferidos nesta terça-feira (8.6) para o Estado de São Paulo. O paciente é do município de Campo Grande. Estava internado na UPA Leblon e foi encaminhado para o Hospital Geral Vila Penteado na capital paulista. O quarto óbito é de um 76 anos de Campo Grande que havia sido transferido com Covid-19 para o Hospital Geral Vila Penteado em São Paulo.

Atualização de leitos
Mato Grosso do Sul registra 102,85% de superlotação nos leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19, na manhã deste sábado (12), conforme o Painel Mais Saúde.
Em relação as internações conforme o último boletim da SES nesta sexta-feira (11), são 1.252 pacientes, sendo 543 nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI), 413 em leitos públicos,  130 em privados, 709 estão em leitos clínicos, sendo 500 internados pelo SUS e 209 em hospitais particulares.

MS tem mais de 250 pessoas na fila por um leito para tratamento, em Campo Grande são 171 pacientes  aguardando leito para internação, Dourados tem 47 pessoas, sendo 26 em Dourados e  11 estão em Três Lagoas e 39 na central de regulação do Estado. Em relação a taxa de ocupação de leitos é: Campo Grande, 104%, Corumbá 96%, Três Lagoas 94% e Dourados com 93%.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix