Campo Grande/MS, Domingo, 23 de Fevereiro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sábado, 25 de Janeiro de 2020, 11h:31
Tamanho do texto A - A+

Equipe de combate ao escorpião faz visita a casas em Campo Grande

Somente nos primeiros 15 dias do ano foram 19 incidentes

Norton Soares
Capital News

Divulgação/ SESAU

Equipe de combate ao escorpião faz visita a casas em Campo Grande

Agentes da CCZ atuam em áreas de risco para escorpiões

Agentes especializados fazem visita a imóveis procurando por possíveis habitastes de escorpiões, em Campo Grande. O número de casos de aparições desses animais aumentou neste início de ano. Somente nos primeiros 15 dias de janeiro, já foram relatados 19 incidentes.

 

O Centro de Controle a Zoonoses (CCZ) intensificou as ações de prevenção e combate para reduzir a infestação desses animais, que se reproduzem mais com o calor excessivo, chuvas constantes e aumento na oferta de alimento para esses animais.

 

Os agentes estiveram, nesta sexta-feira (24), nos bairros Jardim Panamá, Zé Pereira e Vila Alba. Fazendo vistoriaria e passando informações para a população.

 

Ao todo, em 2019, foram registrados 742 acidentes escorpiônicos. A recomendação para espantar esses animais são a limpeza de terrenos e a dedetização de baratas, que é uma das principais fontes de alimento deles.

 

O alerta fica para que não ocorra acidentes domésticos, com a picada do bicho, que possui toxinas. Caso ocorra uma picada do animal, é preciso procurar imediatamente uma unidade de saúde para receber o atendimento adequado.

 

Para quem notar o aparecimento constante destes animais, é recomendado que solicitar uma inspeção do CCZ na residência. Seja via telefone pelo número: 3313.5026 ou comparecendo a uma unidade da instituição.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix