Campo Grande/MS, Domingo, 23 de Fevereiro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Segunda-Feira, 20 de Janeiro de 2020, 08h:55
Tamanho do texto A - A+

Gêmeas siamesas morrem na Santa Casa

Elas tiveram uma parada cardiorrespiratória neste domingo

Elaine Silva
Capital News

 

Divulgação/Santa Casa

Gêmeas siamesas nascem na Santa Casa de Campo Grande

Gêmeas siamesas Maria Julia e Luna Vitória

Gêmeas siamesas Maria Júlia e Luna Vitória, morreram no último domingo (19). Elas nasceram unidas pelo tórax e abdômen na Santa Casa de Campo Grande. As duas estavam em estado grave e internadas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal respirando com ajuda de aparelhos. 

 

Conforme a assessoria do hospital o óbito ocorreu por volta das 8h35. “Tiveram parada cardiorrespiratória. A equipe utilizou todas as mediações e manobras previstas na sociedade brasileira de pediatria, mas sem sucesso” informou a assessoria.

 

Caso

As irmãs nasceram no dia 3 de janeiro deste ano, no hospital da Santa Casa de Campo Grande. A Cirurgia de separação não tinha sido cogitada. As duas bebês, Maria Julia e Luna Vitória, nasceram com 35 semanas e interligadas pelo tórax e parte superior do abdômen, pesando juntas 3.890kg. A equipe responsável pelo parto foi: as médicas obstetras, Dra. Janaína Hildebrande Coelho, Dra. Rosinéia de Araújo Martos, os médicos neonatologistas, Dr. Pedro Augusto Pereira do Amaral e Dra. Mayara Bonfim Loiola, a pediatra, Dra. Uyara Passos Torres de Araújo, a supervisora de enfermagem, Bárbara Bruno e as enfermeiras, Katiane Pereira, Nayane Nalaggi, Janete Américo, além das técnicas de enfermagem, Eliete Maria de Almeida Castello, Eloise Gabriele Pereira Moreira, Shirley Paulino de Souza, Letícia Alves de Souza e Daiana Marrieti. 

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix