Campo Grande/MS, Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019, 16h:11
Tamanho do texto A - A+

Maurício Saito se posiciona contra mudanças no Fundersul

Famasul divulga nota de repúdio ao aumento da alíquota aprovada pela Assembleia

Laryssa Maier
Capital News

 

Deurico/Capital News

Maurício Saito se posiciona contra às mudanças no Fundersul

Maurício Saito

Nesta quarta-feira (13) o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), Maurício Saito esteve presente na ALEMS, e afirmou não concordar com a às mudanças no Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário), lei nº 283/2019, de autoria do Executivo, a qual foi tramitado hoje, “Governo não tem motivo para aumentar imposto, o Estado tem mantido uma evolução consistente nos últimos 10 anos, de crescimento de produção e produtividade a partir do momento”. 

 

Em entrevista ao Capital News, o presidente afirmou que aumentos de impostos desestimulam os investidores, “Nós passamos por um otimismo no setor agropecuário brasileiro, estamos tendo a abertura de novos mercados externos, Mato Grosso do Sul tem uma grande capacidade de produção e de qualidade, ao mesmo tempo penalizado com aumento de impostos, isso desestimula o setor”. 

 

Confira a nota divulgada pela Famasul, na integra:

 

As entidades abaixo relacionadas repudiam a forma abrupta e obscura com que foi tramitado, nesta quarta-feira (13), na Assembleia Legislativa, o projeto de lei nº 283/2019, de autoria do Executivo.

 

Contrariando o trâmite habitual de projetos dessa magnitude, a aprovação ocorreu em regime de urgência, sem a devida possibilidade de argumentação técnica das entidades que representam as cadeias produtivas da agropecuária, e que comprovaria a não necessidade de aumento do Fundersul.

 

O projeto hoje aprovado impacta negativamente toda a sociedade sul-mato-grossense e reflete o mais forte desrespeito ao setor agropecuário, um dos responsáveis pelo equilíbrio econômico do estado.   

 

Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul)

 

ABPO (Associação Brasileira de Pecuária Orgânica de MS)

 

Ampasul (Associação Sul-mato-grossense dos Produtores de Algodão)

 

Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de MS)

 

Asumas (Associação Sul-mato-grossense de Suinocultores)

 

Avimasul (Associação dos Integrados da Avicultura de MS)

 

MNP (Movimento Nacional dos Produtores)

 

Novilho Precoce-MS (Associação Sul-mato-grossense dos Produtores de Novilho Precoce)

 

Reflore/MS (Associação Sul-mato-grossense de Produtores e Consumidores de Florestas Plantadas)

 

Sistema OCB/MS (Organização das Cooperativas Brasileiras no MS)

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix