Campo Grande/MS, Domingo, 07 de Março de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sábado, 16 de Janeiro de 2021, 10h:23
Tamanho do texto A - A+

Ministério consegue oxigênio para recém-nascidos em Manaus

O material é suficiente para apenas dois dias

Laryssa Maier
Capital News

Diana Gaúna

Banco de leite alimenta 35 bebês internados e busca doações

 

O Ministério da Saúde anunciou na sexta-feira (15) que conseguiu oxigênio para abastecer o atendimento de 61 bebês prematuros que estão internados em Manaus (AM). De acordo com o Ministério da Saúde, foram obtidos cilindros para os bebês suficientes para 48 horas. 

 

A cidade vive desde a semana passada uma crise em razão da falta de oxigênio para a utilização no tratamento tanto de pacientes com covid-19 quanto de outras doenças. De acordo com a Agência Brasil, a ajuda foi uma demanda do governo do estado diante da incapacidade de garantir o atendimento para essas crianças. A pasta, contudo, não explicou se os cilindros já começaram a ser usados ou quando serão disponibilizados.

 

De acordo com o Ministério da Saúde, também foi articulada, juntamente a outros estados e municípios, a disponibilização de 56 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), faltando ainda cinco para atender todos os bebês.

 

A pasta afirmou que prestará apoio logístico caso seja decidido pela remoção das crianças. Segundo a última atualização do governo estadual, 235 pacientes serão transferidos para oito capitais brasileiras.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix