Campo Grande/MS, Domingo, 07 de Agosto de 2022 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quarta-Feira, 02 de Fevereiro de 2022, 10h:25
Tamanho do texto A - A+

Pedreiro “Serial Killer” é condenado a 15 anos de prisão

Cleber Souza Carvalho ainda passará por mais seis julgamentos

Elaine Silva
Capital News

Reprodução/TJMS

Ilustrativa/Tribunal do Júri

Homicídios teriam acontecido entre 2016 e 2020

 

Pedreiro "serial killer" acusado de matar sete pessoas em Campo Grande, passou pelo primeiro julgamento nesta terça-feira (1º) e foi condenado a 15 anos de prisão por homicídio e ocultação de cadáver, de Roberto Geraldo Clariano, em um crime que ocorreu em 2018. 

 

Durante a sessão da 1ª Vara do Tribunal do Júri, Cleber Souza Carvalho confessou novamente o crime, mas alegou legítima defesa. O réu ainda será julgado pela no dia 16, ele será julgado pela morte de Timóteo Pontes Roman, encontrado sem vida em um poço do quintal da casa onde morava, na Vila Planalto. E no dia 20, por ter matado o primo, Flávio Pereira Cecé, que ficou desaparecido de 2015 até maio de 2020.  

 

O pedreiro serial killer está preso desde 15 de maio de 2020. Segundo a investigação policial, o pedreiro matava as vítimas para ficar com os bens delas e revender depois. Os homicídios teriam acontecido entre 2016 e 2020.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix