Campo Grande/MS, Terça-Feira, 29 de Setembro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Sexta-Feira, 31 de Julho de 2020, 09h:13
Tamanho do texto A - A+

UFMS oferece cursinho e cursos de línguas gratuitos para a população

São ao todo 300 vagas para cursinho e 450 vagas para idiomas

Hélder Rafael
Capital News

UFMS Divulgação

ColunaMarcoEusébio

..

A Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) abriu 300 vagas para o Cursinho UFMS 2.0 e 450 vagas para o Programa de Extensão em Ensino de Línguas - Progeli 2.0, oferecidos por meio de aulas pela internet devido à pandemia de Covid-19. O prazo para inscrições é até o dia 12 de agosto.

 

O Cursinho UFMS 2.0 oferecerá as disciplinas de Matemática, Português, Biologia e Química para candidatos com no mínimo 16 anos, interessados em se preparar para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e vestibulares.

 

Para acessar os cursos e acompanhar as aulas, o candidato precisa ter um computador ou outro equipamento (tablet ou smartphone) com acesso à internet.

 

As inscrições devem ser feitas por meio de ficha disponível no link https://proece.ufms.br/?s=cursinho

 

Para concorrer às vagas do Progeli, os interessados devem ser maiores de 15 anos. A ficha de inscrição está disponível pelo endereço https://proece.ufms.br/progeli2-0/.

 

Serão oferecidas as seguintes modalidades:

 

*Leitura em inglês (para alunos do Ensino Médio)

*Leitura em espanhol (para alunos do Ensino Médio)

*Leitura em inglês (gêneros acadêmicos)

*Leitura em espanhol (gêneros acadêmicos)

*Escrita em inglês (para iniciantes)

*Inglês (para iniciantes)

*Espanhol (para iniciantes)

 

As aulas serão realizadas pela internet com a utilização da plataforma de ensino Moodle, sendo compostas por vídeo-aulas, resolução de exercícios e sessões para orientação didática.

 

Os alunos selecionados deverão recolher a taxa única de matrícula no valor de R$ 50,00, único custo envolvido já que os cursos são gratuitos. Haverá isenção da taxa de matrícula para os alunos do Ensino Médio de escolas públicas ou em situação de vulnerabilidade econômica.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix