CapitalNews

Quinta-Feira, 26 de Março de 2020, 07h:37

“Estou com Bolsonaro” diz Coronel David sobre pronunciamento do presidente

Por Marco Eusébio

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

ALMS

ColunaMarcoEusébio

Coronel David: 'Esse é um momento que requer cautela redobrada em nossas atitudes'

Em meio à polêmica nacional sobre o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro sobre a pandemia de coronavírus em rede de TV na terça, em Mato Grosso do Sul o deputado estadual Coronel David, um dos articuladores da criação do partido Aliança no estado, publicou artigo ontem em suas redes sociais em que afirma: "continuo confiando e ao lado do presidente". "Muitas discussões a respeito do pronunciamento. E trazemos pra cá a discussão: de um lado, o prefeito decreta o fechamento de tudo que faz a economia girar, em prol da preservação da vida e da saúde, e do outro, o presidente pede que quem estiver saudável salve o país da bancarrota. Será que temos capacidade de parar por mais tempo?" Na opinião do Coronel David, estão querendo "crucificar o presidente por ele ter a coragem suficiente de dizer que a vida tem que continuar, os empregos têm que ser mantidos e o sustento das famílias tem que ser preservados". "Disseram que ele foi irresponsável por ignorar as medidas preventivas para as pessoas idosas e para aquelas que estão nos grupos de risco. Será? Ele disse que precisamos cuidar dos idosos e mantê-los isolados. As palavras dele: 'Devemos proteger nossos pais e avós, respeitando as orientações do Ministério da Saúde'."

Falando da experiência vivida por ele, o Coronel David prossegue:

"Esse é um momento que requer cautela redobrada em nossas atitudes. Vou compartilhar com todos a experiencia pessoal que estou vivenciando dentro da minha própria casa. Há pessoas da minha família que integram o grupo de risco, portanto, o bom senso diz que tanto elas quanto os demais membros da casa permaneçam em quarentena, para preservar a saúde dos mais fragilizados. Por outro lado, pessoas que estão na mesma situação, assim como os integrantes de minha família, precisam trabalhar, caso contrário não terão como cumprir seus compromissos financeiros e garantir a sobrevivência, ou seja, estamos todos vivenciando o dilema saúde versus economia, e nesse ponto somos todos corresponsáveis por nossas atitudes.

Hoje, a questão mais urgente que precisamos resolver é detectar e isolar quem está contaminado, e isso, conforme informações do governo federal, já está prestes a ser solucionado, com a aquisição de grande quantidade de testes para descobrir o COVID-19, já que muitos portadores não apresentam nenhum sintoma. Ultrapassando esse primeiro problema, devemos nos unir em uma grande campanha de conscientização da população, no sentido de não deixar o país parar, e podemos fazer isso organizando rodízios de trabalho em todos os setores".

Leia a íntegra no Facebook pelo link abaixo:

 

 

 

LEIA A COLUNA DE HOJE CLICANDO AQUI EM MARCO EUSÉBIO IN BLOG

 

 



 


 


Fonte: CapitalNews

Visite o website: wwww.capitalnews.com.br