Campo Grande/MS, Domingo, 13 de Junho de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Reportagem Especial
Domingo, 09 de Maio de 2021, 09h:07
Tamanho do texto A - A+

Pandemia: Mães passaram por provas de coragem, força e resiliência

Rotina ficou exaustiva, com mais trabalho, demandas duplicadas

Elaine Silva
Capital News

Schule Foto erstellt von pvproductions - de.freepik.com

Pandemia: Mães passaram por provas de coragem, força e resiliência

Dia das Mães é uma das celebrações mais importantes para as famílias brasileiras

Presença e tentativas de aliviar a sobrecarga do dia a dia tornaram-se as principais demonstrações de carinho. Dia das Mães é uma das celebrações mais importantes para as famílias brasileiras, que sofre grande impacto com a pandemia da covid-19. “Depois desse impacto do isolamento social sobre as relações, os abraços e a presença passaram a ser indiscutivelmente o melhor presente e por muito tempo essa nova perspectiva será mantida”, explica a psicóloga e especialista em orientação parental Leticia Junqueiro.

Divulgação

Pandemia: Mães passaram por provas de coragem, força e resiliência

Psicóloga Letica Junqueira


Quem é mãe sabe o quanto a rotina ficou exaustiva, com mais trabalho, demandas duplicadas, ao mesmo tempo em que os filhos precisam de atenção e cuidados. Mediante às adversidades, as mães revelam que o amor incondicional fala mais alto e com criatividade, organização e paciência elas têm conseguido superar os momentos difíceis com alegria. Segundo a psicóloga, por meio da assessoria, tudo isso tornou o dia a dia mais cansativo e a jornada materna ainda mais longa. “Em um período de inúmeras perdas como este de pandemia, muitas famílias vivem processo de luto ou isolamento prolongado, por exemplo, e toda a expectativa que a data envolve pode nos sensibilizar ainda mais e inclusive desencadear crises”, conta a psicóloga.

Por isso, a dica da especialista é presentear a mãe com tempo, presença e empatia. Limpar a casa, preparar uma refeição, assistir a um filme e conversar sem pressa são algumas das dicas que Junqueiro dá para filhos que ainda não sabem o que fazer no Dia das Mães.  “Mãe sempre dá tanto de si no seu dia a dia, tentar aliviar a rotina pesada dela é um ótimo não custa nada. Mas é importante lembrar que isso não é favor ou presente, é uma contribuição e vai ajudá-la a perceber que ela não precisa dar conta de tudo”, orienta.

Diavulgação

Pandemia: Mães passaram por provas de coragem, força e resiliência

Lilian e sua filha de um ano


Rotina de mãe
Mães passaram por provas de coragem, força e resiliência durante a pandemia da covid-19, como é o caso da Lilian Silva, de 22 anos, teve impactos em dose dupla com o nascimento de sua filha, que tem hoje um ano de idade. Por meio da assessoria ela relato que além da chegada de uma nova vida, a maternidade trouxe desafios maiores, como administrar os cuidados sanitários, o distanciamento e a quarentena. “Tivemos que ajustar até mesmo as idas ao supermercado. Apenas uma pessoa da família poderia fazer as compras e toda vez era necessário encher o carrinho e fazer praticamente um estoque em casa, de fraldas, lencinhos e outros itens essenciais à nossa bebê,” lembra Lilian.
 
Cardápio
Desafios superados, novas rotinas incorporadas à vida, Dia das Mães é tempo de comemorar. “Já elegemos o ‘fazedor’ de compras de supermercado da vez, e no domingo vamos todos pra cozinha, preparar o almoço juntos. Vai ser divertido e importante para a nossa pequena acompanhar este momento”, comenta Lilian. “No cardápio vamos de churrasco, arroz branco, feijão tropeiro, vinagrete e de sobremesa, um bolo que não pode faltar”, revela.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix