Campo Grande/MS, Quinta-Feira, 09 de Julho de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Sábado, 29 de Fevereiro de 2020, 08h:36
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

Barcelona e Real Madrid se enfrentam em momento complicado para ambos

Por Horácio Oliveira

Da coluna Futebol
Artigo de responsabilidade do autor

Clubes vivem rotina de críticas e pouco futebol na atual temporada

 

Real Madrid e Barcelona se enfrentam neste domingo (01), no Santiago Bernabéu. Os clubes lideram de maneira acirrada a liderança do Campeonato Espanhol: o Barça tem 55 pontos e o Real 53.

As duas equipes, no entanto, não vivem um bom momento na temporada. A rivalidade histórica e amplo conhecimento do rival faz com que os treinadores de Barcelona e Real Madrid tivessem uma lista com as qualidades e falhas do inimigo, como em uma lista feita por um drugwatcher, responsável por listar o efeito de medicamentos e drogas no corpo humano.

O campo da medicina, aliás, terá grande importância no clássico deste domingo. O técnico Zinedine Zidane não poderá contar com dois atacantes que estão no departamento médico: Hazard e Asensio. Outro desfalque é o brasileiro Rodrygo,suspenso por ter sido expulso na última rodada da competição.

Por outro lado, o treinador Quique Setién, do Barça, tem quatro desfalques certos por lesão: Dembélé, Suárez, Sergi Roberto e Jordi Alba. Também há dúvidas sobre a presença do zagueiro Piqué, que torceu o tornozelo durante o jogo contra o Napoli, pela Liga dos Campeões.

Para além dos problemas físicos, tem faltado bola para os dois times. No meio de semana, ambos tiveram exibições ruins na Liga dos Campeões da Europa. O Real Madrid perdeu em casa para o Manchester City, por 2 a 1, com bela atuação do brasileiro Gabriel Jesus. Já o Barça empatou com o Napoli jogando fora de casa, por 1 a 1, em uma partida com amplo domínio dos italianos

O momento complicado faz com que ídolos do passado dos dois clubes não estejam com grande expectativa para o duelo que se aproxima. "Barcelona e Real Madrid sempre tiveram grandes times com jogadores extraordinários", disse o ex-capitão Carles Puyol. "Mas é certo que eles não jogam mais como nós jogávamos. Os dois estão eliminados da Copa do Rei, então sobram só duas chances de título. As semanas decisivas da temporada chegaram com os mata-matas da Liga dos Campeões e as rodadas finais de LaLiga, com El Clásico", completou.

Para Jorge Valdano, ídolo do Real Madrid, “Barça e Real estão passando por momentos difíceis. A recuperação do Barcelona na liga nacional só foi possível pela queda do Madrid. A má fase de um que fortaleceu o outro”, disse o ex-jogador ao Ondacero. “Mas é um clássico, todas as feridas serão curadas. Existem muitos jogadores experientes no Real e estarão jogando em casa”, completou.

Rivaldo, campeão do mundo e ex-camisa 10 do Barça, afirmou que pouca coisa mudou desde a chegada de Quique Setien, novo treinador do clube. “Os jogadores estão trocando mais passes, trabalhando mais a bola, mas ainda têm dificuldade em chutar de fora área, por exemplo. É preciso melhorar”, disse ao portal AS.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix