Campo Grande/MS, Segunda-Feira, 10 de Maio de 2021 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Terça-Feira, 19 de Setembro de 2017, 12h:30
Tamanho do texto A - A+

Mais uma vez sem pagamento, médicos da Santa Casa entram em greve

Essa é a segunda greve anunciada em três meses, pelo mesmo motivo

Laura Holsback
Capital News

A. Ramos/Capital News

Santa Casa

Greve na Santa Casa começa na noite desta terça-feira (19)

Pela segunda vez, em três meses, médicos que atendem na Santa Casa de Campo Grande entram em greve a partir das 19h desta terça-feira (19). A decisão foi tomada em reunião que aconteceu ontem à noite entre a classe de trabalhadores e o Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul (SinMed).

A reclamação é quanto ao salário que está atrasado desde o 5º dia útil deste mês. Segundo o sindicato, este é o sexto mês consecutivo que a categoria recebe fora da data prevista em lei.

Devido a paralisação, os atendimentos de urgência e emergência funcionam em 70% e os médicos de atendimentos eletivos e ambulatoriais permanecem em 30%.

O recorrente atraso nos pagamentos motivou greve de três dias no mês de junho. Na ocasião, a Justiça do Trabalho confiscou os valores necessários ao pagamento da remuneração dos profissionais, encerrando a paralisação.

Na segunda-feira (11), o Sindicato dos Médicos de Mato Grosso do Sul encaminhou ao Ministério Público do Trabalho denúncia pelo atraso salarial, assim como fez em junho, e a classe aguarda decisão da Justiça.

Por meio do setor de comunicação, a Santa Casa informou que até o fim da manhã ainda não havia sido notificada oficialmente sobre a decisão, por isso não divulgou nenhum posicionamento.

A falta de repasses de verbas públicas não atinge somente médicos. Também fez com que enfermeiros e outros servidores paralisassem as atividades no mês passado.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix